segunda-feira, 19 de julho de 2021

 

Malandros.

 

Em duras batalhas
entre facas e navalhas,
malandros de outrora,
respeitando a honra, ora,
lutavam por mulheres, cachaças ou sambas
muitas delas vadias, mas bambas, ambas.
Jogadas nas calçadas sujas,
esquecidas,
como velhas muambas, dos cais,
não, não eram iguais.
Tampouco desiguais
assim como eles próprios guerreiros
em seus primeiros pardieiros
respeitavam as suas senhoras
a qualquer hora, em qualquer lugar
tinham o amor de amar,
em tudo e em todas as horas.              By EC.

Um comentário:

Mais visitadas